A História do Automóvel

A história do automóvel

A história do automóvel é bem mais antiga do que imaginamos ser.
Alguns historiadores dizem que o primeiro carro a se locomover com combustão interna a gasolina foi criado em 1885. Um alemão chamado Karl Benz (reconhece esse nome?) que criou o primeiro modelo, chamado de Motorwagen. Porém, por volta de 1769 já eram feitos protótipos e experimentos de carros com motor a vapor. Eram carroças adaptadas com 3 ou 4 rodas e com um motor que podia atingir de 2 a 3,5 km/h, um grande avanço para a época.

O primeiro carro - 1885. Movido a vapor.
Motorwagen – 1885. Primeira carro movido a gasolina.

Voltando ao final do século XIX, a fabricação de carros em escala maior foi em torno de 1892. Henry Ford, foi pioneiro nesse segmento, aproveitando o “boom” da revolução industrial, que permitiu novas formas de fabricação.

Nesse momento vários países da Europa entraram na disputa pela fabricação de carros. Na França surgiu o De Dion Bouton, Berliet e Rapid, na Itália veio o Fiat e o Alfa Romeo. Enquanto isso na Alemanha surgiu o Mercedes-Benz; A Suíça e a Espanha para diversificar resolveram criar uma série mais possante: o Hispano-Suiza.

Os ingleses chegaram atrasados na corrida automobilística, por conta de uma lei Bandeira-vermelha (Red Flag Law), onde o carro não podia ultrapassar 6,2 km/h. Além disso, deveria haver uma pessoa a frente segurando uma bandeira vermelha, sinalizando a passagem do automóvel. Em 1904, já com a lei derrubada em 1896, foi o ano de fabricação do primeiro Rolls Royce. O carro possuía um aparelho composto por vários canos em forma de arco e ventilador. Isso impedia que a água em circulação alcançasse altas temperaturas, hoje esse equipamento é conhecido como radiador.

A história do automóvel no Brasil

No Brasil a fabricação começou um pouco mais tarde, e o grande avanço foi em 1956. Quando as multinacionais, primeiramente Ford e General Motors, começaram a produção de caminhões, caminhonetes e furgões para posteriormente começarem a investir em carros de passeio. Nesse meio tempo começaram as produções dos Volkswagem, principalmente o Fusca (1959), DKW-Vemag, Willys-Overland, Simca, Galaxie, Corcel (da Ford), Opala (da Chevrolet), Esplanada, Regente e Dat (da Chrysler).

O primeira carro produzido no Brasil. Chegava a 85 km/h.
O primeira carro produzido no Brasil. Chegava a 85 km/h.

Embora muitos carros, amados até hoje no país, foram montados no Brasil, seus projetos eram todos feitos nas matrizes europeias ou norte-americanas, bem como todas as peças que eram exportadas.

Não muito mencionado, em 1956 o Rommi-Iseta foi o primeiro automóvel a ser totalmente fabricado no Brasil. O carro possuía 3 rodas, sendo 2 na frente e apenas 1 porta, na parte dianteira e acomodava 2 pessoas. Com motor de 4 tempos, fabricados pela BMW, era um carro compacto e fazia em média 25 km/l. Foram fabricados 3 mil unidades até o ano de 1961.

Se você é apaixonado por carros antigos e a história do automóvel, conheça a feira de carros antigos da Lauto Autopeças!

A história do automóvel está longe e acabar, temos muitos novidades vindo aí. O que aconteceu no passado serviu de combustível para novas tecnologias e desafios. Fique atento as novidades que vem por aí, afinal, somos todos apaixonados por carros!

Gostou dessa matéria? Não deixe de compartilhar!

Fonte: Barros Autopeças

Um comentário em “A História do Automóvel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *