Farol de carro – Você está sabendo usar?

Farol de carro 

Farol, todo mundo conhece, mas as vezes parece que não. Eles existem para você ver, para ser visto e para se comunicar com os outros motoristas.

A seguir confira quais são os tipos de luzes presentes e cada ícone presente no painel.

Lanterna

Quando você entra no carro, a primeira luz que acende quando vira o interruptor é a lanterna ou farolete ou luz de posição. As lâmpadas ficam na frente, na cor branca ou amarela, e na traseira na cor vermelha. Deve ser utilizada a noite, sob chuva e quando for manobrar ou fazer baliza. O símbolo no painel é o da luz de posição baixo.
(imagem principal, número 1)

Farol Baixo (luz baixa)

Virando o interruptor mais uma vez, farol baixo é acesso, mais recomendado quando está no fim de tarde, no começo da noite. Quando acionado, duas luzes acedem: o farol e a do farolete. Esse é o farol que precisa ser acesso durante o dia nas rodovias. Lembre-se que a lei do Farol está em vigor.
(imagem principal, número 2)

Farol alto

Como o próprio nome já diz, é a luz mais forte que tem no carro e deve ser utilizado principalmente em rodovias com pouco ou nenhuma iluminação. Mas cuidado: quando avistar um outro veículo vindo em sua direção, troque para a luz baixa, para não “cegar” o condutor.

Alternando entre a luz baixa e o farol alto, é o famoso “pisca”, para indicar algo para algum outro veículo na rodovia.
(imagem principal, número 3)

Luz de ré

É acessa quando acionada a marcha ré no carro, indica que está manobrando o veículo para trás. É uma luz mais baixa de cor branca, na parte traseira.

Luz de Freio

É acionado quando o motorista coloca o pé no pedal de freios, indica uma frenagem, são luzes fortes que acedem nos faróis traseiro na cor vermelha.

O Farol é essencial para organização do tráfego, use-o constantemente! 

Refletores

São adesivos e brilham no escuro, se encontram nas lentes dianteiras e traseiras.

Setas e pisca alerta

São as mesma luzes, ficam posicionadas na lateral do carro, na parte da frente e atrás. Alguns modelos de veículos podem ter essas luzes nos retrovisores laterais. São amarelas ou laranjas.

A seta deve ser acionado com o carro em movimento, para indicar a entrada em uma rua, para ultrapassar outro veículo ou para estacionar.

Já o pisca alerta, deve ser usado somente com o carro parado ou quando o veículo quebra ou indica algum defeito. O pisca-alerta, nunca deve ser utilizado na chuva ou neblina, pois poderá confundir outros motoristas.
(imagem principal, número 4)

Luz de neblina

São luzes que existem abaixo dos faróis convencionais, são de curto alcance e ajudam na iluminação em caso de neblina, chuva forte ou nuvens de pó.
(imagem principal, número 5)

Farol de milha

São posicionados acima dos faróis de neblina 9 cm caminhonetes ficam próximo ao teto. Devem ser utilizados com cuidado, por serem luzes fortes de longo alcance.
(imagem principal, número 6)

Para finalizar, é importante sempre verificar se as luzes não estão queimadas, caso esteja, leve o carro imediatamente a um mecânico eletricista.

Gostou das nossas dicas? Compartilhe com seus amigos!

 

Fonte: Barros AutopeçasSe meu carro falasse

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *